Passar para o Conteúdo Principal

Conhecimento da História de Porto Covo mais acessível

04 de Março de 2024

A Câmara Municipal de Sines apresentou no dia 29 de fevereiro, no seio da sua participação na BTL - Bolsa de Turismo de Lisboa 2024, o livro "Porto Covo - O Iluminismo no Litoral Alentejano", da autoria de António Martins Quaresma.

A edição do livro, coordenada pelo Museu de Sines, dá seguimento ao estudo da história de Porto Covo iniciado com uma monografia do mesmo autor sobre o forte do Pessegueiro, publicada em 2009.

O cerne da obra é a fundação da povoação de Porto Covo, em finais do século XVIII, pelo homem de negócios Joaquim Fernandes Bandeira, e o projeto arquitetónico, de matriz iluminista, desenvolvido pelo arquiteto Henrique Guilherme de Oliveira.

O livro disponibiliza também conteúdos que permitem enquadrar a criação da aldeia no papel portuário que Porto Covo desempenhou ao longo da história e a sua evolução de porto marítimo à estância turística que conhecemos hoje.

Como refere o presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, na apresentação, este "é um livro que se destina a apoiar os turistas interessados em conhecer melhor a região e em despertar a curiosidade de quem ainda não a conhece, mas é também uma obra para os habitantes de Porto Covo, especialmente destinado às gerações futuras, para conhecerem melhor as suas raízes e valorizarem o esforço dos seus antepassados."

O presidente da Câmara deixa também um agradecimento a António Martins Quaresma, "não apenas por esta notável obra, mas também por toda uma vida de trabalho intenso e apaixonado em prol do património da nossa região".

Apresentação livro Porto Covo - presidente

Apresentação livro Porto Covo