Passar para o Conteúdo Principal

Biblioteca de Sines lembra vítimas do Holocausto

980holocausto2 1 980 2500
21 de Janeiro de 2020

A Câmara Municipal de Sines, através da Biblioteca Municipal, assinala o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, 27 de janeiro.

A efeméride é assinalada com três iniciativas: uma sessão de contos, uma exposição e a exibição de um documentário.

As sessões de contos realizam-se entre 20 de janeiro e 7 de fevereiro, no auditório do Centro de Artes de Sines, e têm como destinatários alunos dos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e do ensino secundário, mediante marcação. A equipa de mediação de leitura do Centro de Artes de Sines lê a obra "A história de Erika", de Ruth Vander Zeeser, e, à contação da história, associam-se a música, as imagens projetadas e o jogo de luzes.

De 22 de janeiro a 4 de fevereiro, na Biblioteca, está patente a exposição "Prestar testemunho - Yad Vashem", cedida pela Associação Memória e Ensino do Holocausto e composta por 20 cartazes que evidenciam o crescimento do nazismo e das medidas antijudaicas.

Finalmente, será exibido, no auditório do Centro de Artes de Sines, o documentário "O que ama a vida. A história de Avraham Aviel", para alunos do 3.º ciclo do ensino básico e ensino secundário, mediante marcação. O filme, também cedido pela Associação Memória e Ensino do Holocausto, conta a história de Avraham Aviel (Lipkunsky) resistente antinazi da região de Radun, Bielorrússia.

Imagem: Detalhe do cartaz do filme "O que ama a vida"