Passar para o Conteúdo Principal

"Mar de Sines" exibido no Porto, Chaves e Milfontes

Mardesines3 1 980 2500
19 de Novembro de 2019

O filme "Mar de Sines", um projeto da Câmara Municipal de Sines sobre a comunidade piscatória de Sines, atravessa uma nova fase de exibições em auditórios de todo o país.

Nas primeiras três exibições deste ciclo, o filme foi visto por 33 pessoas em Chaves (sessão no Teatro Experimental Flaviense, a 17 de outubro), 150 pessoas no Porto (Auditório do Palácio Bolhão, a 15 de novembro) e 350 pessoas em Vila Nova de Milfontes (sessão dupla no cinema Girasol, a 16 de novembro).

Resultado de mais de 100 entrevistas e 250 horas de gravações, o documentário “Mar de Sines” é um projeto de cinema com a comunidade. Reúne os testemunhos de três gerações de pescadores que são protagonistas de uma pesca baseada nas artes tradicionais e no respeito pelos recursos.

O filme foi realizado por Diogo Vilhena, com produção e assistência de realização de António Campos e banda sonora original de Charlie Mancini.

A criação de “Mar de Sines” contou com o apoio de 27 entidades locais e nacionais, que cederam documentos e fotografias das suas coleções, prestaram consultoria científica, facilitaram a realização de entrevistas e autorizaram as 60 horas de filmagens realizadas a bordo. Mais de 2000 pessoas estiveram envolvidas nos processos de rodagem e pós-produção.

Desde que foi estreado, o documentário tem vindo a percorrer auditórios e festivais em Portugal e um pouco por todo o mundo. Em 2016, venceu o prémio de "Melhor Filme Etnográfico" no Festival Internacional do Filme Etnográfico do Recife (Brasil).

“Mar de Sines” foi uma produção da Câmara Municipal de Sines. Representou um investimento de €41 413,32, cofinanciado em 75% pelo PROMAR - Programa Operacional Pesca 2007-2013 / Governo de Portugal - Ministério da Agricultura e do Mar / Fundo Europeu das Pescas / União Europeia. A ADL - Associação de Desenvolvimento do Litoral Alentejo foi o parceiro gestor do GAC Além Tejo.

 

Logos PROMAR