Passar para o Conteúdo Principal

SI2E: Fundos para investir em projetos ligados ao mar

51293401 2269183103133913 7202729321545334784 o 1 980 2500
06 de Fevereiro de 2019

Existe uma oportunidade para os empresários e empreendedores de Sines e Porto Covo que queiram investir em projetos ligados ao mar e aos recursos hídricos.

O SI2E - Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego, apresentado hoje na sala de sessões dos Paços do Concelho, ainda tem verba disponível para esta região e oferece cofinanciamento europeu que pode chegar a 50% a fundo perdido.

O investimento elegível dos projetos tem um limite de 100 000 €.

Podem candidatar-se, até 15 de março, micro e pequenas empresas com atividade em áreas como a restauração e comércio, alojamento e animação turística, serviços, atividades artesanais e oficiais e transformação agroalimentar e comercialização.

Um ponto essencial a reter é que o projeto tem de contribuir para valorizar os recursos e as atividades associadas ao mar e/ou recursos hídricos.

São apoiados investimentos em máquinas e equipamentos, informática, marcas, planos de marketing, obras de remodelação e participação eventos internacionais.

É condição das candidaturas a criação de pelo menos um posto de trabalho, que, mediante algumas condições, também pode ser cofinanciada.

Para mais informações sobre como se candidatar, os interessados devem contactar a ADL - Associação de Desenvolvimento do Litoral Alentejano, com delegação em Santiago do Cacém, no lote 5 da ZAM, tel. 269 827 233 e email adl.alentejano@mail.telepac.pt.

Este sistema de incentivos é gerido pelo DLBC Costeiro Litoral Alentejano e é cofinanciado pelo Fundo Social Europeu, no âmbito do programa operacional Alentejo 2020 / Portugal 2020.

A sessão de esclarecimento realizada nos Paços do Concelho de Sines foi organizada em conjunto pela ADL e pela Câmara Municipal de Sines.

O presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, e a vereadora do turismo, Filipa Faria, abriram a sessão, transmitindo uma mensagem de otimismo sobre o futuro do turismo no concelho.

A vereadora Filipa Faria afirmou o empenho da Câmara Municipal em ser um motor de dinamização do turismo em Sines, mas valorizou o investimento privado como fundamental para o desenvolvimento do setor.

O presidente da Câmara referiu como sinais concretos deste novo impulso as cinco novas unidades de alojamento que deverão nascer em Sines e Porto Covo a breve prazo, duas delas já em construção. Também os investimentos previstos nos setores portuário e das energias renováveis deverão ter um impacto significativo nos setores da restauração e da hotelaria.

Documentos

Apresentação SI2E