Passar para o Conteúdo Principal

Teatro: “Crise no Parque Eduardo VII”, pela Comuna

30 Junho 2018
980comuna c bruno simao 1 980 2500
Adicionar a calendário 2018-06-30 17:17:00 2018-06-30 17:17:00 Europe/Lisbon Teatro: “Crise no Parque Eduardo VII”, pela Comuna Evento

CAS - Auditório | 22h00 | M/14 | 5 euros

Destilar a vida… Dois velhos sentados num banco de jardim… O tempo parece suspenso nas horas imóveis do parque, no outono esquecido da vida. Adivinham-se as voltas do mundo na música que vem de longe, da infância ou do futuro, e que nos vai ensinando que “a beira do fim é tão preciosa como a beira do princípio”. Aparentemente, tudo está parado numa peça sobre a fronteira em que a vida quase se despede de quem quase se despede da vida. Mas “Crise no Parque Eduardo VII” é teatro que subverte as aparências, mostrando como a vida se inventa em cada palavra e em cada gesto do entardecer. Baseado em “I'm not Rappaport”, de Herb Gardner. Adaptação e encenação de João Mota. Interpretação de Carlos Paulo, Igor Sampaio, Hugo Franco, Maria Ana Filipe, Miguel Sermão, Gonçalo Botelho e Elsa Galvão.

Foto (c) Bruno Simão