Passar para o Conteúdo Principal

Solo de dança de Sofia Neuparth este sábado no CAS

980sopro 1 980 2500
12 Março 2018

O auditório do Centro de Artes de Sines recebe este sábado, 17 de março, às 18h00, o espetáculo "Sopro", um solo de dança de Sofia Neuparth com atmosfera em presença de Margarida Agostinho e música live de Bruno de Azevedo.

O espetáculo tem produção do c.e.m - centro em movimento / Cristina Vilhena e o bilhete para assistir custa 5 euros.

A bailarina e coreógrafa Sofia Neuparth apresenta a sua criação da seguinte forma:

«sopro é um estudo do nascer do gesto que traz ao encontro a alegria de ser movimento! não se é corpo sozinho.

o prazer de esticar um braço, rebolar, olhar para o céu, tocar o ar, sentir a terra a beijar os pés…dançar. há uns anos fui descobrindo que o movimento pode fazer-se gesto e que a dança poderia ser a poesia do gesto. cada forma que se vai fazendo forma, dança a dança que dança…assim possa…e ninguém sabe o que pode um corpo! seja corpo água, pássaro, luz, nuvem, flor, erva, som, insecto, girafa, peixe. nunca ressoou em mim a tristeza dos humanos (muitos deles supostamente dedicados à “dança”) quando expressam a incapacidade de “criar” um momento dançante… não que em sofiez a dança se faça linda e brilhante a todo o momento mas a alegria, o amor de poder dançar, o agradecimento de poder dançar é uma força imensa!

o sopro é um grito, um sussurro, uma canção, um beijo, um sopro de amor de existir…não é uma boa dança ou uma dança feia ou…é dança, com a companhia de quem vibra lado a lado, a margarida na atmosfera e o bruno na música,

e sabem porque danço? porque posso!

e que o mundo dance! que a dança dance! que o corpo possa!»

Imagem: Play Bleu